8 de dezembro de 2011

Programação Curta Circuito 09/dez


08/12 Uberlândia
09/12    Guaxupé  sexta 18h30   Cine Teatro 14 Bis    Entrada Franca
09/12 Araçuaí
10/12 Montes Claros 
12/12 Belo Horizonte
13/12 Ipatinga

Eixo Brasil – Três Irmãos de Sangue
Uma das importâncias de se ter o registro audiovisual, ainda mais sobre histórias reais, é permitir o contato com personagens que devem sempre ser lembrados. Este é o caso de “Três Irmãos de Sangue”. Baseado em depoimentos, este documentário mantém a emoção presente a todo tempo, não só pela condição e reconhecimento daqueles que falam, mas também pelas imagens históricas de arquivo, pela presença marcante na vida política brasileira, pelo direito à vida. Henfil, artista (que cunhou o bordão “Diretas já!”), demonstra a luta através de um humor audacioso e crítico; Chico Mário fez de seu talento a representação pela música independente, pela justiça no país; e Betinho criou campanhas como a Ação da Cidadania Contra a Miséria, a Fome e Pela Vida. E, se ainda passar despercebido por alguém, poderemos associar e chegar até eles pela música de Aldir Blanc e João Bosco, sobre a volta de Betinho do exílio, eternizada pela voz de Elis Regina em O Bêbado e a Equilibrista: “(...) A volta do irmão do Henfil...”

Três irmãos de sangue
Ângela Patrícia Reiniger, RJ, 2006, 102'
A vida dos irmãos Betinho, Henfil e Chico Mário e como suas ações se misturam com a história política, social e cultural do Brasil na segunda metade do século 20. Eles contribuíram, cada um a sua maneira, para as principais transformações pelas quais passou o povo brasileiro nesse período. Hemofílicos, foram contaminados pelo vírus HIV através de transfusão de sangue. Isso os tornou um símbolo do combate à Aids no Brasil. Para eles, a luta pela vida sempre esteve em primeiro lugar.

Classificação Indicativa: livre


curtacircuito.blogspot.com
twitter.com/curtacircuitomg
http://www.curtaminas.com.br/

Grupo Teatral 14bis em Varginha/ MG:


Mais informações: http://valecadac.blogspot.com/

10 de novembro de 2011

Em Guaxupé: Festival Tramas & Dramas


Começa sábado, dia 12, o Festival Tramas & Dramas, de espetáculos e oficinas.

Dias 12 e 13, apresentação do espetáculo "Esta Propriedade Está Condenada", do dramaturgo norte americano, Tenessee Williams, com Arlete Mendes e Ernani Sastre no elenco, direção de Vanessa Marques e preparação de atores de Eucir de Souza. Esse espetáculo foi apresentado ano passado na semana de letras e viajou algumas cidades da região, sempre com ótima aceitação do público. A história se passa na década de 1940, numa pequena cidade americana, que tem sua rotina movimentada pela linha de trem. Dois adolescentes conversam sobre os temores e alegrias próprios da idade. Com cunho altamente crítico à sociedade, Tennessee Williams conduz de forma espetacular os diálogos e desfecho da peça. Às 20h30, no Teatro Municipal.

Dias 14 e 15, teremos a oficina "Quer Brincar - Dinâmicas Teatrais", com Eucir de Souza, onde os alunos poderão conhecer mais sobre as técnicas do teatro com o experiente ator guaxupeano (hoje em cartaz na mini série Força Tarefa, na TV Globo), formado pela Escola de Artes Dramáticas da USP, muito premiado no teatro e no cinema (melhor ator no Festival de Cinema de Brasília). Das 14h às 18h, no Teatro Municipal.

Dia 17, a oficina "Expressão Corporal", com Luana Mendes, estudante formanda de Educação Física da UNIFEG, já trabalha na Faculdade da Terceira Idade e faz pós-graduação em dança. Das 19h às 22h, na Casa da Cultura.

Dia 18, "Criação Textual para Genaro e Dora", oficina onde Carolina Borges, escritora e coordenadora do Instituto Cultural Elias José, irá dividir a experiência que teve junto ao grupo Tramas & Dramas, na transformação de um conto seu em texto para teatro.

Dias 19 e 20, oficina de "Clown", que é a técnica do palhaço, muito importante na formação do ator, uma vez que se utiliza de uma complexa movimentação corporal e facial. Com Gilbert Diniz, de Betim, grande profissional da área, estudou no Teatro de Paris, esse ano foi agraciado com a bolsa da Funarte, onde teve oportunidade de estudar em Barcelona e com ampla experiência internacional, o que o tornou uma referência em nosso país. Casa da Cultura, das 14h às 18h

Dia 19, apresentação "Clownspiração", com Gilbert Diniz, onde Guaxupé poderá assistir aos números desse artista, já apresentados pelo mundo afora. Casa da Cultura, 20h30.

Dias 26 e 27, estreia de "Genaro e Dora", criação coletiva do grupo Tramas e Dramas, com texto de Carolina Borges, assessoria de Eucir de Souza, direção geral de Vanessa Marques. No elenco, além de Ernani Sastre e Arlete Mendes, uma nova geração de atores, Felipe Alves, Daniele Mariano e Willian Rodrigues e trilha sonora original de Rodrigo Sá. O espetáculo conta a história de dois idosos,que de maneira muito simples, nas coisas corriqueiras do dia a dia, se "re"descobrem para o amor.

O Festival Tramas & Dramas conta com o apoio do Instituto Cultural Elias José, Instituto Bola da Vez, Casa da Cultura e Prefeitura de Guaxupé.

Os ingressos para os espetáculos são vendidos a R$5,00 e as inscrições para as oficinas a R$10,00. São encontrados com os integrantes do grupo, no Café & Prosa (bem no centro da avenida Conde Ribeiro do Valle) e no Instituto Elias José.

 Eucir de Souza, Arlete Mendes, Ernani Sastre e Vanessa Marques

Texto e Imagens:  Grupo Tramas & Dramas 

8 de novembro de 2011

Curta Circuito - 11/nov


O Ministério da Cultura, a PETROBRAS e a Associação Curta Minas/ABD-MG  apresentam o Curta Circuito 10 anos!
Para iniciar a programação do mês de novembro em Guaxupé exibiremos a sessão: Panoramas 4 [ Ozualdo Candeias – A Margem] dia 11, sexta feira, às 18h, no Cine Teatro 14 Bis, com entrada franca.
Filme que deu origem ao termo Cinema Marginal, “A Margem” retrata quatro personagens à beira de um rio fétido em situações de dificultosa relação e cenários de extrema pobreza. “A Margem” prefigura a inclinação de Candeias (e, por que não dizer, de todo o dito cinema marginal) para retratar os apartados da sociedade. Ao fim do filme, os personagens pobres vão à cidade e daí então vemos o que a sociedade lhes reserva: as pessoas e olhares potentes da beira do rio se transformam em copeiras e funcionários de escritórios. Porém, o que fica é justamente o fora dessa representação e desse lugar de sujeição que a sociedade lhes impõe. O que salta do filme é o que rompe o comum no cinema de Candeias: a presença e força dos marginalizados, que, diante de um mundo atroz e injusto, se embatem, mesmo que não vençam.



A Margem
Ozualdo Candeias, SP, 1967, 96'

Inspirado em acontecimentos reais publicados em jornais populares, o filme aborda o dia a dia da população pobre que vive às margens do rio Tietê, sob o ponto de vista de quatro personagens. Eles observam uma mítica mulher que desce o rio em uma canoa.

Curta Circuito – 10 Anos!!
Data: 11 de novembro
Local: Cine 14 Bis
Horário: 18h
Classificação Indicativa: 16 anos

O Curta Circuito conta com o patrocínio da Petrobras e Cemig através da Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal.
O Projeto é Idealizado pela Associação Curta Minas/ABD-MG.
Este evento foi selecionado pelo Programa Petrobras Cultural.

Para informações adicionais:
Comunicação Curta Circuito – Le Petit Comunicação – (31) 98059625/ (31) 32019665

3 de novembro de 2011

Cineclube Guaxupé 04/nov


Filme: Conan - O Bárbaro

Ano: 1982
Direção: John Milius
Duração: 130 minutos
Classificação: 14 anos

Sinopse:

Clássica primeira adaptação de Conan para o cinema. Criado em 1932 pelo escritor texano Robert E. Howard, o personagem é considerado um dos principais ícones da literatura de fantasia heróica. Responsável por revelar o astro Arnold Schwarzenegger, o longa narra a saga do guerreiro cimério em busca de vingança. Após presenciar o assassinato de seus pais e a devastação de sua aldeia, Conan é submetido a uma infância de escravidão. Já adulto, torna-se um grande gladiador, conquista a liberdade e inicia uma perigosa e sangrenta busca pelo o homem que massacrou sua família. Recentemente, Conan - O Bárbaro ganhou uma nova adaptação cinematográfica, porém muito aquém da primeira versão.

Serviço:
Data: 04/11/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Apoio cultural:
Cine 14 Bis/ Beerock/ TecTer/
Sicoob Acicredi/ Vigilante/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

Realização:
Instituto 14 Bis

19 de outubro de 2011

Programação da Mostra 14 Bis de Audiovisual

MOSTRA 14 BIS DE AUDIOVISUAL


DE 20 A 23 DE OUTUBRO NO CINE TEATRO 14 BIS
SESSÕES A PARTIR DAS 18H00
ENTRADA FRANCA

Cine 14 Bis de Guaxupé
Rua Capitão Joaquim Norberto, 77 Centro – Guaxupé/MG

Dia 20 de Outubro – Quinta-feira

18h00 Abertura da Mostra 14 Bis de Audiovisual

Primeira Sessão da Mostra
A Mulher de branco

Mostra Paralela:
O Barbeiro de São Pedro da União
Sábado à noite


Dia 21 de Outubro – Sexta-feira


Sessão Curta Minas
Cineclube Guaxupé (http://instituto14bis.blogspot.com/2011/10/cineclube-guaxupe-21out.html)

Dia 22 de Outubro – Sábado

Três Choros pela Minha Morte

Dom de Deus
No Elevador
Sessão Curta Minas

Dia 23 de Outubro – Domingo

A galinha ou Eu
Ô Casamento
Lembranças de Barcelona
O Adultério de Geraldo
Uma ou outra Vida

Nos dias 22 e 23 de outubro a Mostra recebe um convidado para discutir sobre as produções audiovisuais da região.


O voto popular acontecerá em todas as sessões.

Saiba mais sobre os filmes: http://instituto14bis.blogspot.com/2011/10/curtas-na-mostra-14-bis-de-audiovisual.html

Curtas na Mostra 14 Bis de Audiovisual

Instituto 14 Bis de Educação e Cultura, Governo de Minas, Ponto de Cultura, Cultura Viva ,
+ Cultura e Ministério da Cultura
 apresentam:



Mostra 14 Bis de Audiovisual

De 20 a 23 de Outubro no Cine Teatro 14 Bis
Sessões a partir das 18h00
Entrada Franca
Rua Capitão Joaquim Norberto, 77 - Guaxupé/MG

Conheça um pouco dos filmes selecionados pela curadoria da Mostra 14 Bis de Audiovisual:

TRÊS CHOROS PELA MINHA MORTE
Jaguaraçu/MG

Pedro sofreu um acidente e morreu. A família e os amigos velaram-no e choraram por sua morte. Quase o enterraram. Mas Pedro estava mais vivo do que nunca. Hoje, ainda conta sua história.

Direção: Iole Miranda
Roteiro: Iole Miranda
Produção: Iole Miranda
Direção de Fotografia: Elizeu Mol
Direção de Arte: Maria Perpétua Marques Miranda
Elenco: Francisco Boaventura Inácio, Terezinha Marta Galdino, José Riva de Andrade, Carmen Quintão Morais Souza, Maria Aparecida Morais Gonçalves, Elza Pereira Lana Coelho, José Luzia Souza, José Pereira Lana, Ademar Ferreira Belarmino dos Santos, Eri Vieira Duarte, Luís Vilela Gonzaga, João Victor Assis Gonzaga, Lays Gabrielle Silva Oliveira,Carlos Oliveira dos Santos, Daniel Pedro Lana, Geraldo Luiz de Almeida, Claudinei Silva, Carmelito Aniceto Rodrigues, Francisco Geraldo da Rocha,Letícia Assis Batista, Maria de Lourdes Reis Lima, Letícia Estevão Pereira Cruz, Ingrid Pereira Cruz, Lara Coelho Morais Quintão Coelho, Mercedes Maria e Henrique Pereira Duarte.



Viçosa/MG



Um documentário sobre a vida de Antonio Dó.

Direção: Elder Barbosa
Roteiro: Elder Barbosa
Produção: Elder Barbosa
Direção de Fotografia: Elder Barbosa e Marília Cabral
Direção de Arte: Elder Barbosa






LEMBRANÇAS DE BARCELONA
São Paulo/SP

Qual o limite entre a realidade e ficção? O fácil acesso às ferramentas cinematográficas banaliza ou contribui com o cinema? O voyeurismo como plano de fundo de uma tragédia contemporânea, onde a próxima vítima pode ser você.

Direção: Livia Gaudencio
Roteiro: Livia Gaudencio
Produção: Lima Produções
Direção de Fotografia: Marcelo Carrusca
Elenco: Livia Gaudencio




O ADULTÉRIO DE GERALDO
Guaxupé/MG


Uma mulher maníaca por saúde e beleza acaba perdendo o marido.

Direção: Welington Gonzaga
Roteiro: Bia Rayna, Laiz Araujo, Welington Gonzaga
Produção: Ana Carolina Negrão, Carolina Borges, Laiz Araujo
Direção de Fotografia: Welington Gonzaga
Elenco: Ana Carolina Negrão, Laise Diogo, Fabio Fantini
Adaptação do conto O Adultério de Geraldo de Carolina Borges.

DOM DE DEUS
Rio Azul/PR

A história conta a vida de Antonio Petrek, menino simples que desde cedo desenvolve seu dom para a pintura. Perde seu pai aos nove anos e é abandonado logo em seguida pela mãe. Cresce solitário e faz da sua arte sua vida.
Direção: Regina Pegoraro
Roteiro: Regina Pegoraro
Produção: Sonia de Fátima Rodaczenski
Direção de Fotografia: André Chesini
Elenco: Thiaggo Thomaz, Jose Carlos Rodaczenski, Gabriela Hessel Jasiocha, Claudemir Herthel, Claudete Camargo, Joelsio Gonçalves Soares, Letícia Mazur, Maria Sopko, Marlen Conradt, Sarah Lazzari, Talbian Raony





A GALINHA OU EU!
 Itambé/PR
Denizia, cinco anos, vive em uma fazenda repleta de animais e os trata como se fossem seres humanos. Um dia, fica com raiva de uma galinha e a persegue pelo quintal. O bicho entra na privada e cai no buraco. Então, Denizia tem que escolher entre salvar a galinha e levar uma surra ou deixar o animal morrer e escapar do castigo. Baseado em memórias da infância da diretora.
Direção: Denizia Moresqui
Roteiro: Denizia Moresqui
Produção: Denizia Moresqui, Luiz Fernando Medeiros, Capicua Filmes
Fotografia: André Chesini
Elenco: Juliana Decol, Eder Garcia, Níbia Mantovani.







Ô CASAMENTO
Ibiracatu/MG


Zé Seboso tratou o casamento com Rosinha, filha de um rico fazendeiro, na hora da cerimônia, no entanto, descobre que vai se casar com Maria Lindeza, a filha mais velha, já que, segundo tradições filha mais nova não se casa antes da mais velha.

Direção: Rozilda Amorim
Roteiro: Rozilda Amorim
Produção: Rozilda Amorim
Direção de Fotografia: Ivan Cândido
Elenco: Gilson Rodrigues, Beatriz Macedo, Marislene Magalhães, Ovídio Alkimim, Pauliane Amorim



UMA OU OUTRA VIDA
Guaxupé/MG


A rotina de um homem dividido entre suas responsabilidades de empresário e a música. Quando ele se depara com a possibilidade da morte, decide levar uma vida mais leve, ao lado da namorada e do violão.
Direção: Sheila Saad
Roteiro: Felipe Bittencourt
Produção: Mila Russo Calil
Direção de Fotografia: Sheila Saad, Afonso Marangoni
Elenco: Felipe Alves




A MULHER DE BRANCO
Ibitiara/BA

Omero, após escutar a lenda da assombração “Mulher de Branco”, sai pelas ruas escuras da pacata Ibitiara e descobre o grande mistério da cidade. História fictícia baseada nos costumes locais, antes da chegada da energia elétrica.
Direção: Mirandí Alves
Roteiro: Mirandí Alves

Produção: Mirandí Alves

Direção de Fotografia: Jerônimo Doff
Elenco: Caio Anderson, Caique Oliveira, Gabriel Pereira, Jobério Oliveira, Marcos Pereira, Gaucira de Oliveira, Denilde dos Reis, Fernando Demetrios, Paulo Maciel, Thello Antunes, Washington Souza, Geverson Oliveira, Gabriel Oliveira, Danilo Lima, Hemerson Oliveira, Kaline Araujo, Tamires Santos




NO ELEVADOR
Guaxupé/MG
Em um elevador, um homem descobre que uma impressão inicial não diz o real caráter de alguém.


Direção: Cláudio Vieira

Roteiro: Cláudio Vieira, Élide Martins, Emerson Ricciardi, Gabriel Geraldo, Letícia Lélis, Rafael Miranda
Produção: Cláudio Vieira
Direção de Fotografia: Cláudio Vieira
Elenco: Letícia Lélis, Emerson Ricciardi, Wilian Rodrigues



Mostra Paralela
O BARBEIRO DE SÃO PEDRO DA UNIÃO
São Pedro da União/MG
Um dia na vida de Seu Joânico através dos olhos de um forasteiro que chega à barbearia e pede um corte de barba e cabelo. A tarefa, simples, acaba se prolongando devido aos diversos acontecimentos que chamam a atenção do barbeiro.

Roteiro e Direção: Francisco Tadeu Pereira
Produção: Francisco Tadeu Pereira, Luciana de Paula, Francisco Carlos Siqueira Junior, Ronaldo Souza Dias, Eliana Aparecida Pereira, Donizeti Silva Elenco: Lazaro Custódio Vieira, Luciano Vilela de Faria, Murilo Rodrigues Alves, Francisco Carlos Siqueira, Maria Amélia Mendonça, Darcy Maria Ferreira de Lima, Denise Mariana Carvalho, Alessandra dos Santos Vieira
Imagens: Michelle Antunes
Edição: Eduardo Drummond
Som: Ivan Cândido
Trilha Sonora Original: Lazaro Custódio Vieira
Esse curta integra o projeto do "Revelando os Brasis". Mais informações: http://www.revelandoosbrasis.com.br/

LONGA-METRAGEM: Sábado à noite

O filme conta a história de um jovem rapaz, interpretado pelo são-carlense Renato Capella, que é forçado a esperar por um ônibus para seguir viagem. Nesse ínterim, um verdadeiro desfile de personagens da cidade conduz o personagem em situações inusitadas durante os 71 minutos de filme.
Direção: Diego Doimo
Rocambole Produções: http://www.rocambole.org/rocambole.org.html

Cineclube Guaxupé 21/out

Cineclube Guaxupé apresenta:
[Nacionais]


Filme: A Sina do Aventureiro

Ano: 1958
Direção: José Mojica Marins
Duração: 88 minutos
Classificação: 14 anos


Sinopse:
Filme de estréia do cineasta José Mojica Marins, criador do mitológico personagem "Zé do Caixão". A Sina do Aventureiro difere da maior parte da obra do diretor, focada no cinema de terror. O longa, considerado um "faroeste brasileiro", narra a história de Jaime, um bandoleiro que vaga pelos povoados do interior praticando assaltos. Em uma fuga, Jaime leva um tiro e é acolhido por Dorinha, por quem se apaixona. Por amor, ele se entrega a polícia e promete abandonar o banditismo. Porém, após sair da prisão, Jaime se vê obrigado a retornar a criminalidade para vingar a morte de sua amada.

Serviço:
Data: 21/10/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Apoio cultural:
Cine 14 Bis/ Beerock/ TecTer/
Sicoob Acicredi/ Vigilante/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

Realização:
Instituto 14 Bis

13 de outubro de 2011

Mostra 14 Bis de Audiovisual - 2011

Curta Circuito - 10 anos!


O Ministério da Cultura e a PETROBRAS apresentam o Curta Circuito 10 anos!

Para o mês de outubro temos algumas novidades: a chegada de novos patrocinadores! Petrobras e Cemig acreditam, apostam e reconhecem a importância do projeto para a formação de público e no olhar diferenciado sobre a forma de exibição da produção audiovisual brasileira não só para uma grande cidade, que é capital do estado, mas também para as cidades do interior. Hoje o projeto exibe de forma permanente em 6 regiões de Minas: REGIÃO METROPOLITANA (Belo Horizonte); JEQUITINHONHA (Araçuaí); NORTE DE MINAS (Montes Claros); VALE DO RIO DOCE (Ipatinga); SUL/SUDOESTE DE MINAS (Guaxupé) e TRIÂNGULO MINEIRO/ ALTO DO PARANAÍBA (Uberlândia).

Nesses 10 anos de existência o CURTA CIRCUITO demonstra que é possível uma forma de atuação que propõe também uma reflexão sobre as ações independentes de exibição das obras audiovisuais brasileiras com qualidade e planejamento, e o mais importante, a permanência do projeto no interior do estado mineiro.

Para iniciarmos a programação de outubro em Guaxupé, exibiremos a sessão: Eixo Brasil [André Sampaio], dia 14, sexta feira, às 18h, no Cine Teatro 14 Bis com entrada franca.

Nessa primeira sessão veremos alguns filmes que se organizam a partir da observação, numa captura discreta e silenciosa dos seus objetos. A partir desse objetivo, duas possibilidades se afirmam: ou a câmera (e o olhar do filme) segue seu objeto, movimentando-se pelo mundo com ele, como é o caso de “24 domingo do tempo comum”, de Daniel Lentini, em que a câmera acompanha um rito religioso no interior mineiro, ou em “Instântaneos”, de Andrea Capella e Peter Lucas”, filme no qual o olhar segue um fotógrafo idoso, trafegando pelos bares da Lapa. Ou, ao contrário, a câmera se detém e observa o mundo a passar por si. “Bar da estação”, de Leonardo Ayres, e “Contos da estação carioca” operam sob tal imperativo. Nos dois modos, há uma discrição e silêncio do filme. Um respeito em fazer brotar do olhar capturado pela câmera aspectos e forças da realidade.

Foto do curta: Instantâneos
Curtas que serão exibidos:

Bar da estação
Leo Ayres, MG, 2009, 16'27’’
Até 1990, o município de Ribeirão Vermelho, Minas Gerais, abrigava um dos maiores complexos ferroviários do estado. Trabalhavam ali cerca de mil funcionários, que atendiam centenas de passageiros todos os dias. Vinte anos depois, não restam mais do que ruínas. Ainda assim, José dos Santos, 70 anos, não desiste de manter funcionando ali dentro o Bar da Estação, que abre as portas assim que amanhece.

Carreira do Curta:
Festival É Tudo Verdade 2010;
Festival de Inverno de Bonito/ MS;
Mostra “A Construção da Poética Cotidiana”, em São Paulo;
12o Festival Internacional de Curtas de Belo Horizonte;
forumdoc.bh – Festival do Filme Documentário;
Festival Curta Cinema 2010 – Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro;
32o Festival Internacional del Nuevo Cine Latinoamericano;
Sección Informativa Documental, em Havana/Cuba;
14a Mostra de Cinema de Tiradentes / MG.

Os Contos da estação carioca
Renan Brandão, Eduardo Morotó e Mikael Santiago, RJ, 2010, 9'
Todos os dias milhares de pessoas passam pela estação carioca de metrô, inclusive Seu Alfredo

Carreira do Curta:
Selecionado para o FestCineAmazonia 2010.

24 Domingo do tempo comum
Daniel Lentini, RJ, 2010, 16'
Dia 13 de setembro de 2009. Arredores da Estrada Real. Minas Gerais.

Carreira do Curta:
13ª Mostra de Cinema de Tiradentes;
20º Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro – CurtaCinema 2010;
1ª Mostra de Cinema de Ipoema / 12ª Muestra Internacional Documental – Bogota, Colômbia;
4º Festival du Documentaire Brésilien Indépendant – Paris, França.

Instantâneos
Andrea Capella e Peter Lucas, RJ, 2009, 15'13’’
O retrato de uma noite do último fotógrafo de bares da Lapa.

Carreira do Curta:
Festival do Rio 2010
Festival do Júri Popular 2011
Curta cinema 2010
Cine – OP 2010
Primeiro Plano 2010 - Festival de Juiz de Fora e Mercocidades – Prêmio de Melhor filme e menção honrosa para o Personagem Sérgio Silveira
Femina 2011

Serviço:

Data : 14/10/2011 (sexta-feira)
Horário : 18h00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Classificação indicativa: 12 anos
ENTRADA FRANCA

O Curta Circuito conta com o patrocínio da Petrobras e Cemig através da Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal.

O Projeto é Realizado pela Associação Curta Minas/ABD-MG.
Este evento foi selecionado pelo Programa Petrobras Cultural.

Para informações adicionais:
Comunicação Curta Circuito – Le Petit Comunicação – (31) 98059625/ (31) 32019665


Cineclube Guaxupé - Apoio local:
Cine 14 Bis/ Instituto 14 Bis/ Beerock/ TecTer/ Sicoob Acicredi/ Vigilante Sistema de Segurança/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

4 de outubro de 2011

Cineclube Beerock - 07/out

Cineclube Beerock apresenta:


Filme: Bill & Ted - Uma Aventura Fantástica
Ano: 1989
Direção: Stephen Herek
Duração: 83 minutos
Classificação: Livre

Sinopse:
Filme que narra as aventuras de Bill & Ted, dois adolescentes que preferem tocar rock a estudar. Empolgados com sua banda, a dupla tem seus planos ameaçados caso Ted reprove no teste de história sendo obrigado a ir para uma escola militar. Disposto a ajudá-los, um estranho misterioso lhes oferece uma viagem através do tempo. Os dois então começam a visitar o passado e encontram importantes personagens da história mundial, como Joana D'Arc, Napoleão, Sócrates e Gengis Khan. Bill & Ted - Uma Aventura Fantástica foi um dos primeiros sucessos da carreira de Keanu Reeves, que mais tarde iria protagonizar a trilogia Matrix.

Serviço:
Data: 07/10/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Realização:
Coletivo Beerock

Apoio cultural:
Instituto 14 Bis/ Cine 14 Bis/ TecTer/ Sicoob Acicredi/ Vigilante Sistema de Segurança/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

[Teatro] Curta Temporada em Guaxupé


26 de setembro de 2011

Cineclube Guaxupé - 30/set

Cineclube Guaxupé apresenta

Filme: Django
Ano: 1966
Direção: Sergio Corbucci
Duração: 97 minutos
Classificação: 14 anos

Sinopse:
Produção italiana considerada um marco do chamado Western Spaghetti. O longa se passa na fronteira entre México e Estados Unidos, uma região aterrorizada por dois grupos rivais, liderados pelo Major americano Winchester Jack e pelo General mexicano Hugo Rodrigues. Franco Nero vive Django, um forasteiro misterioso que carrega consigo um caixão. Disposto a vingar a morte de sua esposa, Django parte para uma luta sangrenta contra os bandidos das duas facções. O cineasta Quentin Tarantino está dirigindo uma nova versão do filme, denominada Django Unchained, com estréia prevista para dezembro de 2012.

Serviço:
Data: 30/09/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Apoio cultural:
Cine 14 Bis/ Beerock/ TecTer/
Sicoob Acicredi/ Vigilante/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

Realização:
Instituto 14 Bis

Em São Sebastião do Paraíso - Teatro


22 de setembro de 2011

Cineclube Guaxupé 23/set

Cineclube Guaxupé apresenta:
 Filme: A Noite dos Mortos Vivos
Ano: 1968
Direção: George Romero
Duração: 96 minutos
Classificação: 16 anos

Sinopse:
Obra-prima de George Romero, cineasta que inovou o cinema de horror ao inserir zumbis como protagonistas. Lançado em 1968, A Noite dos Mortos Vivos tornou-se o maior clássico do gênero. O longa descreve a angustia de um grupo de pessoas refugiadas em uma casa de campo cercada por zumbis. A Noite dos Mortos Vivos gerou seqüências dirigidas pelo próprio Romero e influenciou inúmeros outros filmes.


Serviço:
Data: 23/09/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Apoio cultural:
Cine 14 Bis/ Beerock/ TecTer/ Sicoob Acicredi/ Vigilante/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

Realização:
Instituto 14 Bis

15 de setembro de 2011

Cineclube Guaxupé 16/set

Cineclube Guaxupé apresenta:

Filme: Pixote - A Lei do Mais Fraco
Ano: 1981
Direção: Hector Babenco
Duração: 127 minutos
Classificação: 16 anos

Sinopse:
Dirigido por Hector Babenco, diretor de filmes como Carandiru e O Beijo da Mulher-Aranha, Pixote - A Lei do Mais Fraco é considerado um dos maiores clássicos do cinema nacional. O longa narra a trajetória de Pixote, um garoto abandonado pelos pais que ingressa na criminalidade para sobreviver. Nas ruas, Pixote torna-se traficante, cafetão e assassino com apenas onze anos de idade. O filme foi protagonizado por Fernando Ramos da Silva, um garoto pobre que teve no cinema a chance de mudar de vida. Tempo após o êxito do filme, Fernando voltou à sua antiga condição, vivendo em um ambiente de total miséria, visto que sua carreira de ator fracassou por ser semi-analfabeto e incapaz de decorar os textos. Após cometer vários crimes, Fernando foi assassinado por policiais em 1987. Sua história foi retratada posteriormente pelo diretor José Joffily, no filme Quem Matou Pixote?.


Serviço:
Data: 16/09/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Apoio cultural:
Cine 14 Bis/ Beerock/ TecTer/ Sicoob Acicredi/ Vigilante/ Prefeitura Municipal de Guaxupé

Realização:
Instituto 14 Bis


13 de setembro de 2011

Estreia de espetáculo

O Grupo Teatral 14bis estreia no dia 17 de setembro a peça "O prazer é meu" e convida você para esse momento:



Espetáculo


O prazer é meu
Sinopse: Homem vê seu banheiro invadido por suas próprias fantasias sexuais. A partir daí, desenrolam-se episódios tragicômicos que ilustram a dificuldade de assumirmos nossos próprios desejos, a farsa inerente a todo jogo erótico e a dificuldade de acomodar a distinção entre masculino e feminino nos estereótipos criados socialmente.

Ficha técnica:
Direção: Lauro Baldini
Supervisão: Rita Clemente
Dramaturgia: Criação coletiva a partir do texto-base de Luciano Plez.
Elenco: Laise Diogo, Renata Alves, Rodolfo Bonifácio, Tuany Mancini
Orientação vocal e corporal: Silvana Stein
Orientação musical: Jovane Oliveira e Valeria Semar
Cenografia: Marcos Lustosa (Marcolino)
Cenotécnico: Rafael Vieira
Orientação de iluminação: Wladimir Medeiros
Operador de luz: Junior Silva
Oficina de figurino: Ana Luiza Santos
Produção: gpe
Gênero: Comédia
Duração: 50 min.
Classificação indicativa: 16 anos
Grupo Teatral 14bis

Mais informações: 35 3551 6669 / http://www.instituto14bis.org.br/

Entrada Franca

Avisos importantes:
* Proibida a entrada de menores de 16 anos.
* Não será permitida a entrada após o início do espetáculo.
* Para retirar seu ingresso, pedimos que chegue ao Teatro com pelo menos 30 minutos de antecedência.
* Ingressos limitados.

Patrocínio: LATICÍNIOS AVIAÇÃO
Apoio local: PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAXUPÉ
Incentivo: LEI ESTADUAL DE INCENTIVO À CULTURA/ GOVERNO DE MINAS GERAIS
Realização: INSTITUTO 14 BIS DE EDUCAÇÃO E CULTURA

6 de setembro de 2011

Mostra 14 Bis de Audiovisual

O Instituto 14 Bis de Educação e Cultura realiza de 20 a 23 de outubro de 2011 a MOSTRA 14 BIS DE AUDIOVISUAL, projeto inserido no programa CULTURA VIVA do Ministério da Cultura .

As incrições estão abertas até 21 de setembro de 2011. Saiba como participar:






Cineclube Beerock - 09/set

Cineclube Beerock apresenta:
Documentário: Iron Maiden - Flight 666
Ano: 2009
Direção: Sam Dunn e Scot McFadyen
Duração: 112 minutos
Classificação: Livre

Sinopse:
Documentário que mostra toda a grandiosidade do Iron Maiden, considerada por muitos como a maior banda de heavy metal do planeta. Flight 666 registra os bastidores da turnê "Somewhere Back In Time" que percorreu 70 mil quilômetros ao redor de cinco continentes. Todo o traslado foi feito a bordo do "Ed Force One", um Boeing 757 customizado que além de transportar a equipe e os equipamentos de palco, é pilotado pelo vocalista Bruce Dickinson. Foi a primeira vez que o Iron Maiden concedeu acesso irrestrito a uma equipe filmagem. Além de registrar os bastidores, o filme mostra imagens excepcionais de várias apresentações.

Serviço:
Data: 09/09/2011
Hora: 18:00
Local: Cine Teatro 14 Bis de Guaxupé
Entrada Gratuita

Realização:
Coletivo Beerock

Apoio cultural:
Instituto 14 Bis/ Cine 14 Bis/ TecTer/ Sicoob Acicredi/ Vigilante Sistema de Segurança/ Prefeitura Municipal de Guaxupé